Carille vê jogadores “pressionados demais” e diz que Santos jogava bem até levar primeiro gol

Após a derrota de 3 a 0 para o Juventude, neste domingo, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico do Santos, Fábio Carille, lamentou especialmente o gol sofrido aos 47 minutos do primeiro tempo. Aquela foi a primeira chance de gol do adversário na partida.

Na visão de Carille, o Santos fazia uma boa partida até aquele momento. E aí o time se perdeu.

– Nosso primeiro tempo foi bom, agredimos, chegamos com finalizações, tudo que esperávamos do jogo. Na única bola, nós tomamos o gol, e a questão da confiança aparece pela sequência. Na etapa final, continuamos propondo o jogo e mais uma vez sofremos o segundo gol na bola aérea. Claro que nos perdemos na partida. Quando cheguei, tinha essa preocupação, trabalhei muito essa questão da bola aérea. Sabemos que a bola parada decide jogo. Agora é seguir trabalhando – disse o treinador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conversa
1
MegaLivre
Olá 😃
podemos te ajudar?